Escolha uma Página

Perguntas
Frequentes

O que é um biodigestor?
O biodigestor é produto que cria um ambiente com ausência de oxigênio permitindo que bactérias anaeróbias realizem a digestão de materiais orgânicos, dejetos animais (suínos, vacas, carneiro, cavalo, cachorro e outros vários), restos de alimentos e vegetais, produzindo biogás e adubo orgânico líquido.
Como o biodigestor é instalado?
Os biodigestores da BGS Equipamentos foram projetados para serem de fácil e rápida instalação. Ao contrário de tudo que você já viu, os kits biodigestores da BGS Equipamentos não necessitam de um técnico para realização da instalação. Junto com o produto você receberá um manual e um vídeo de instalação. Os kits podem ser instalados em um dia e o transporte do produto é tranquilo, cabe no seu porta-malas (prático e fácil).
O biodigestor produz cheiro ruim?
Não. O biodigestor funcionando corretamente não produz cheiro ruim. Pelo contrário, especialmente nas propriedades rurais, ele diminui o mau cheiro e a proliferação de moscas.
A instalação de um biodigestor resulta em muita manutenção?
Não. Nossos clientes recebem o biodigestor pronto para instalar. Após a instalação o biodigestor deve ser alimentado diariamente conforme orientações detalhadas do manual do produto. O trabalho diário consiste na alimentação do biodigestor e na retirada do adubo orgânico.
Quem pode instalar um biodigestor?
Os kits biodigestores da BGS Equipamentos podem ser instalados por pequenos produtores rurais, sítios e chácaras, que possuam poucos animais e em casas que possuam quintal para instalação do equipamento e uso do adubo orgânico.
Quanto tempo leva para o biodigestor produzir biogás?
A produção de biogás depende de vários fatores, mas em média, após o início da alimentação do biodigestor, a produção de biogás deve ocorrer entre 15 a 30 dias.
A produção de biogás é perigosa?
Não. O biogás possui duas características importantes, ele é armazenado em baixíssima pressão, e segundo, ele é mais leve do que o ar. Estar armazenado em baixa pressão evita o risco de explosão e o fato de ser mais leve que o ar, faz com que em caso de vazamento, ele se disperse rapidamente evitando o risco de contaminação.

Informações Técnicas

Quantos quilos de matéria orgânica eu posso colocar no biodigestor?

A alimentação do biodigestor deve ser diária. Para um biodigestor rural de 10 m³, por exemplo, a capacidade máxima é de 300 litros. Para o Lavoisier, o biodigestor urbano, a capacidade máxima é de 40 litros de dejetos animais ou 20 litros de restos de alimentos. Em ambos os casos deve-se considerar uma mistura de 50% sólidos com 50% de líquido (água).

Qual a produção de biogás de um biodigestor?
A produção de biogás é dependerá do tamanho do biodigestor. Para um biodigestor rural de 10 m³ a produção de biogás é de aproximadamente 5 m³/dia ou 150 m³/mês. Isto equivale a 5 botijões de 13 kg de GLP por mês. Muita coisa não?
Qual a produção de adubo orgânico de um biodigestor?
Isso mesmo, além do biogás, o biodigestor produz um rico adubo orgânico líquido. Assim como o biogás, a sua produção dependerá do tamanho do biodigestor. Novamente, considerando um biodigestor de 10 m³, a produção mensal de adubo será de 10.000 litros, o que equivale a 60 kg de nitrogênio, 60 kg de fósforo e 30 kg de potássio. Em termos monetários estamos falando em uma economia de uns R$ 250,00 a R$ 300,00 por mês.
Quantos animais são necessários para a operação de um biodigestor de 10 m³?
Então, um biodigestor de 10 m³ atenderá aproximadamente 50 suínos, 20 vacas de leite, 15 cavalos, 50 ovelhas ou cabritos, 20 búfalos ou 450 cachorros.
O que eu NÃO posso colocar no biodigestor?
Não recomendamos que o biodigestor seja alimentado com frutas e cascas de frutas cítricas.
Ah tá! E qual a produção de biogás do Lavoisier, o biodigestor urbano?

A produção de biogás depende de vários fatores, mas em média, após o início da alimentação do biodigestor, a produção de biogás deve ocorrer entre 15 a 30 dias.

Há outros tamanhos de biodigestores além do biodigestor 10 m³?
Sim, a BGS equipamentos é a primeira empresa do Brasil especializada em biodigestores pequenos e kits biodigestores prontos de fácil instalação. Temos biodigestores e kits prontos de 1, 2, 5, 10 e 20 m³. Os kits são modulares e se necessários poderão ser instalados em paralelos para casos com maior disponibilidade de matéria orgânica.

Possibilidades

Quais são outras possibilidades de retorno que eu posso ter com o biogás?
O retorno com o biogás são enormes. Além do uso direto na cozinha, o produtor de leite, por exemplo, pode utilizar o biogás para o aquecimento de água para lavar e esterilizar sua ordenhadeira. Isso traz uma economia significativa para quem está usando energia elétrica. O produtor também pode utilizar o biogás para a produção de alimentos, diversificando sua renda, e na produção de energia elétrica.
Qual o potencial de produção de energia do biogás?
Para equipamentos de pequeno porte, até 7 kVa por exemplo, 1 m³ produz aproximadamente 0,8 Kwh.
Posso comercializar a energia produzida com biogás?
Sim, desde abril de 2012, a normativa 482 da ANEEL estabelece as condições gerais para comercialização de energia gerada através de biogás, no entanto, para biodigestores pequenos o interessante é o consumo da energia na propriedade, ou seja, pensa-se em reduzir o consumo da rede ao invés de tornar-se um vendedor de eletricidade, este é o caminho para o pequeno produtor.
Posso interligar o esgoto da minha casa no biodigestor?
Devido ao grande volume de água ou a falta de controle das proporções de água e matéria seca somado ao risco de contaminação do meio biodigestor por detergentes ou bactericidas, NÃO recomendamos a interligação do esgoto doméstico ao biodigestor.
Na prática o que é possível tocar com um gerador de 7 kVa?
Tudo dependerá muito da produção de biogás, mas havendo biogás suficiente é possível tocar uma ordenhadeira, um refrigerador de leite, uma casa.
Há ainda outras aplicações para o biogás?
Sim. Ainda é possível utilizar o biogás para o aquecimento de ambientes através de campânulas, inclusive o aquecimento de animais (suínos e aves) e até mesmo para iluminação, utilizando lampiões especialmente projetados para utilização do biogás.

Mais informações sobre biogás

Qual a composição do biogás?
Resposta: O biogás é composto de 55% a 60% de metano (CH4), 35% a 45% de gás carbônico (CO2) e 0% a 1% de gás sulfídrico (H2S).
Antes da utilização o biogás deve passar por algum tipo de tratamento?
Sim, antes da utilização do biogás o mesmo deve ser purificado, o que na prática significa retirar, diminuir, eliminar o gás sulfídrico (H2S) da sua composição.
O biogás pode ser comprimido em botijões, transportados ou comercializado?
O biogás pode ser comprimido em botijões mais os custos são muito elevados e financeiramente não é atrativo. Em relação a comercialização, caso o armazenamento do biogás em botijões fosse viável financeiramente, seria necessário a autorização da Agência Nacional do Petróleo. Uma solução alternativa para o transporte do biogás é o armazenamento sobre baixa pressão em balões de armazenamento da BGS equipamentos.
Por que retirar o gás sulfídrico (H2S)?

A produção de biogás depende de vários fatores, mas em média, após o início da alimentação do biodigestor, a produção de biogás deve ocorrer entre 15 a 30 dias.

Como o biogás é purificado?
A eliminação do gás sulfídrico (H2S) presente no biogás é realizada através da instalação de purificadores de biogás da BGS equipamentos logo após a saída do biogás do biodigestor. Os purificadores possuem em seu interior produtos químicos na forma de pellets que reage com o gás sulfídrico (H2S) presente no biogás causando a sua eliminação.

Qual a nossa missão?

Nossa missão é através da comercialização de equipamentos de qualidade e especiais viabilizar o uso do biogás em pequenas propriedades rurais ou na sua casa, transformando resíduos orgânicos em recursos financeiro.
Chat por WhatsApp!